O Profeta Mohammad, um profeta para toda a Humanidade

00:00 - 2022/01/15

A história do Islam está intimamente ligada com a história de seu profeta, o homem que de acordo com a doutrina islâmica foi escolhido por Deus para transmitir a Mensagem Divina. Este homem, este profeta, é Mohammad (S.A.A.S.).

profeta Mohammad

Dentre sua gente, porém, Mohammad (S.A.A.S) era o preferível e o mais completo de todos, chegando a ser apelidado pelo cognome de “Al-Amin”, que significa “O Probo”. Usualmente, as pessoas deixavam com ele, em confiança, seus valores e pertences valiosos, e quando aconteciam divergências entre o povo de Mecca ele era chamado para arbitrar entre os divergentes por causa de sua sensatez, equilíbrio, equidade, respeito, seriedade e fé.

O Profeta Mohammad pertencia à tribo de Coraich, que era um dos mais importantes clãs árabes da península arábica. Mohammad (S.A.A.S.) era descendente do Profeta Ismael, filho do Profeta Abraão (A.S), que reconstruiu a Honrada Caaba na preciosa cidade de Mecca (Arábia Saudita). Sua mãe chamava-se Amina bent Wahab, também da tribo de Coraich, que o concebeu na preciosa cidade de Meca, no ano de 570 d.C.

Na época do nascimento do Profeta Mohammad (S.A.A.S) houve diversos acontecimentos inusitados, e com isso, Deus Supremo permitiu a vinda do Salvador e o surgimento de uma nova era para a humanidade.
É notório que, desde a sua infância o Mensageiro (S.A.A.S) teve um caráter puro, sempre afastado dos maus costumes, tais como a bebida alcoólica, a idolatria, a extorsão, o furto, a falsidade, a mentira, a traição e outras vilanias praticadas pelo povo da época. Aliás, ele se distinguia dos demais pela nobreza de seu caráter, sua lealdade, coragem e bondade para com os mais fracos e necessitados.

Dentre sua gente, porém, Mohammad (S.A.A.S) era o preferível e o mais completo de todos, chegando a ser apelidado pelo cognome de “Al-Amin”, que significa “O Probo”. Usualmente, as pessoas deixavam com ele, em confiança, seus valores e pertences valiosos, e quando aconteciam divergências entre o povo de Mecca ele era chamado para arbitrar entre os divergentes por causa de sua sensatez, equilíbrio, equidade, respeito, seriedade e fé.

Quando o Profeta Mohammad (S.A.A.S) atingiu quarenta anos de idade, no ano de 610 d.C., desceu sobre ele a Revelação por intermédio do anjo Gabriel (A.S), enquanto orava na gruta de Hera, e fê-lo receber os primeiros versículos, constantes no Alcorão Sagrado: “Em Nome de Deus Clemente Misericordioso! Lê, em nome de teu Deus que criou. Criou o homem de um esperma. Lê e teu Deus é o mais generoso, o Qual ensinou com o cálamo; ensinou o homem a respeito daquilo que desconhecia…” (C.96 – V. 1 a 5)

Dentre os acontecimentos importantes da história do Islam durante a vida do nobre Mensageiro (S.A.A.S) está a conquista de Mecca, a Honrada, que era na ocasião, o centro da oposição, ignorância pré-islâmica (Jáhiliya) e da opressão contra os fracos e o Islam. O profeta diz uma narração para alguem que quer seguir ao verdadeiro caminho que ele mostrou a narração é isso : Disse o profeta Mohammad(S.A.A.S): Tenho entre vós duas coisas que são muito preciosas: O livro de Deus (Alcorão) e meus Ahlul Bait.Se se mantiverem próximos de cada um deles, jamais se desviarão do caminho da retidão depois de mim . O livro de Deus é contudo , mais sagrado, uma corda içada para o Céu, tal como são meus Ahlul Bait. Lembrem se estas duas coisas nunca estarão separadas uma da outra até que nos reencontremos, um dia no paraíso.

Sua conquista ocorreu no mês Ramadan (mês lunar islâmico), no ano de 630 d.C.. Esta conquista foi feita sem derramamento de sangue, de uma forma totalmente pacífica, pois o Profeta Mohammad (S.A.A.S) e seus companheiros se aproximaram da cidade, e, quando Abu Sufián (líder dos opositores) e seus correligionários viram a força do Islam e dos muçulmanos permitiram que o Mensageiro de Deus (S.A.A.S) entrasse em Mecca começasse a reforma espiritual e social na cidade.

Após o sucesso de sua conquista, o Profeta Mohammad (S.A.A.S) retornou para a cidade de Medina, onde viveu até seu falecimento em 632 d.C. Na conquista de Mecca o Islam alcançou o auge de sua grandiosa vitória, pois o povo em massa abraçou a doutrina de Deus, o que marcou o início de uma expansão que alcançou os quatro cantos do mundo.

O Alcorão Sagrado declara: “Em Nome de Deus Clemente Misericordioso! Chegou-se a vitória de Deus e a conquistou, e viste a população em massa entrar na doutrina de Deus, glorifique e louve o teu Senhor e implore o Seu perdão, porque Ele está pronto para perdoar.” (C.110 – V.1 a 3)

Plain text

  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <span> <blockquote> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd> <br> <hr> <h1> <h2> <h3> <h4> <h5> <h6> <i> <b> <img> <del> <center> <p> <color> <dd> <style> <font> <u> <quote> <strike> <caption>
  • Endereços de páginas web e endereços de email são transformados automaticamente em ligações.
  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente.
Fill in the blank.