O grande milagre

11:36 - 2017/01/01

As pessoas exigiam do Profeta Mohammad (S.A.A.S.) milagres, tal como ocorria com os demais Profetas (A.S.) que o antecederam, e ele (S.A.A.S.) os confimava
igualmente como eles o faziam. Aliás, o Alcorão Sagrado menciona sobre isso.
 

Muitos milagres são atribuídos ao Mensageiro de Deus (S.A.A.S.), embora alguns deles não tenham sido relatados com precisão,

talvez por falta de recursos em serem aceitos ou creditados, porém, o milagre que permaneceu e continua vivo é o Alcorão Sagrado, seu Livro Celestial,

o qual reúne 114 Suratas, ou seja, Capítulos, e exatamente 6236 Versículos. Os versículos alcorânicos foram revelados de maneira gradativa,

durante vinte e três anos, e eram revelados de diversas formas, seja de Suratas, de Versículos ou quase-versículos e, em diversas ocasiões, seja de dia, de noite,

em viagem, na guerra, na paz ou em momentos fáceis ou difíceis. O Alcorão sagrado, pelo conteúdo de seus Versículos, revela-se como um milagre que desafiu os árabes de então,

pois eles já alcançavam o topo e o clímax da erudição, na eloqüência e na comunicação, conforme afima a História. E no Livro Divino, em sua apresentação, encontramos as belas-letras

e sua expressão, de acordo com a Revelação de Deus:

“Que apresentem, pois, uma mensagem semelhante, se estiverem certos”.[1]

“Ou dizem: Ele o forjou! Dize: Pois bem, apresentais dez suratas forjadas, semelhantes às dele, e pedi (auxílio), para tanto, a quem possais,

em vez de Deus, se estiverdes certos”. [2]

“Dizem: Ele o forjou! Dize: Componde, pois, uma surata semelhante às deles; e podeis recorrer, para isso, a quem quiserdes, em vez de Deus,

se estiverdes certos”.[3]

Com estes Versículos, o Alcorão os desafiu, como se-lhes declarasse:

“Se vós pensais que isto são palavras humanas ou vindas de Mohammad, ou que ele as plagiou de alguém, então vinde com o mesmo,

ou com dez suratas, ou com uma surata, e recorreis a quem quiserdes em vosso auxílio, exceto o auxílio de Deus!”

Mesmo assim, e, diante das desistências, os eloqüentes e eruditos dentre os árabes exclamaram: “Isto é feitiço e nenhum de nós pode realizar algo assim!”

Em resumo, os sábios e eruditos árabes tentaram realizar e compor algo que se assemelhasse ao Alcorão, porém, acabaram sendo logrados por suas próprias sapiências.

Notas :

[1] : Surat Attur – Capítulo 52, Versículo 34.

[2] : Surat Hud – Capítulo 11, Versículo 13.

[3] : Surat Yúnes – Capítulo 10, Versículo 38.
 

Plain text

  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <span> <blockquote> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd> <br> <hr> <h1> <h2> <h3> <h4> <h5> <h6> <i> <b> <img> <del> <center> <p> <color> <dd> <style> <font> <u> <quote> <strike> <caption>
  • Endereços de páginas web e endereços de email são transformados automaticamente em ligações.
  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente.
7 + 3 =
Solve this simple math problem and enter the result. E.g. for 1+3, enter 4.