Interpretação do Alcorão al-Ikhlâs X

07:13 - 2021/09/15

A única hierarquia "uayibul ita'at", à qual se deve obediência absoluta, é a mais pura essência divina. É legal obedecer a outro, na medida em que sua posição emana Dele. Muçulmanos, consideramos um raio luminoso da obediência divina; obediência aos Profetas (que a paz esteja com eles), aos Imams e seus sucessores.

Ó nosso Criador! As derivações de shirk, são tão numerosas quanto os ramos do tauhid (monoteísmo), não poderemos nos livrar deste mal, se você não nos incluir em Seus favores.

Interpretação exemplar do Alcorão Sagrado,al-Ikhlâs (Monoteísmo) , p10

E) "Tauhidul haakemiiat" (exclusividade no comando),

As sociedades humanas exigem governos, pois, de outra forma, a vida em comunidade seria impossível. Sem governo, não haveria divisão de responsabilidades, programas não seriam regulamentados, sentenças não seriam executadas, nem violações ou ataques poderiam ser evitados. Da mesma forma, o princípio da liberdade do ser humano, alega que ninguém tem o direito de dominar o outro, sem que o soberano principal e verdadeiro dono o permita.

É por isso que nós, muçulmanos, repudiamos qualquer governo que não derive do governo divino. Se considerarmos legal o governo do Profeta (s.a.a.s), dos Imames e de todo erudito jurisprudente islâmico "Faquih jami'u sharait" - que atende a todos os requisitos islâmicos para tal tarefa - é porque emana da soberania do divino.

 De acordo com a lei islâmica, para um referendo geral obter a legalidade divina, ele deve ser aprovado pelo Faquih. “Porque o julgamento só diz respeito a Deus, que dita a verdade; porque ele é o melhor dos juízes[1].

F) "Tauhidul ita’at" (unidade na obediência).

A única hierarquia "uayibul ita'at", à qual se deve obediência absoluta, é a mais pura essência divina. É legal obedecer a outro, na medida em que sua posição emana Dele. Muçulmanos, consideramos um raio luminoso da obediência divina; obediência aos Profetas (que a paz esteja com eles), aos Imams e seus sucessores.

Diz o Alcorão Generoso: O  crentes! Obedeça a Deus, obedeça ao apóstolo e às autoridades entre vocês[2]. Quem obedece ao apóstolo terá obedecido a Deus.[3]

Na verdade, os tópicos citados exigiriam um desenvolvimento posterior, mas fomos forçados a abreviá-los, uma vez que nosso tópico principal é a interpretação do Alcorão Sagrado. Ai nosso Deus! Dê-nos a firmeza necessária para viver na linha do monoteísmo.

Ó nosso Criador! As derivações de shirk, são tão numerosas quanto os ramos do tauhid (monoteísmo), não poderemos nos livrar deste mal, se você não nos incluir em Seus favores. Ó nosso Senhor! Faça-nos viver monoteístas, morrer e ressuscitar monoteístas.

Assim seja, ó Senhor dos Mundos!

Fim da Sura al-Ikhlâs.

 

[1] . Alcorão 6:57.

[2] . Alcorão 4:59

[3] . Alcorão 4:80

Plain text

  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <span> <blockquote> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd> <br> <hr> <h1> <h2> <h3> <h4> <h5> <h6> <i> <b> <img> <del> <center> <p> <color> <dd> <style> <font> <u> <quote> <strike> <caption>
  • Endereços de páginas web e endereços de email são transformados automaticamente em ligações.
  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente.
Fill in the blank.
تمامی حقوق متعلق به اداره تبلیغ اینترنتی معاونت تبلیغ حوزه های علمیه می باشد