Revoluções inspiradas na coragem do Imam Hussain (que a paz esteja com ele) I

12:50 - 2021/10/02

-No ano 680 da Hégira, Um evento ocorreu em uma terra chamada Karbala, no atual Iraque, cujos efeitos se estenderiam por séculos. Um evento sangrento que resulta em liberação e liberdade para todas as pessoas de diferentes idades.

Revoluções inspiradas na coragem do Imam Hussain (que a paz esteja com ele) I

Ao longo da história, sempre houve eventos que transmitem mensagens sérias e profundas, essenciais e humanas, mensagens que mudam a consciência do ser humano e o colocam no caminho certo. A revolta do Imam Hussein(que a paz esteja com ele) é um dos eventos mais importantes, que ocorreu contra o opressor da época, Yazid, e aparentemente terminou com o martírio do Imam Hussein(que a paz esteja com ele) e seus companheiros, mas este não foi o final e seu sangue se tornou a insígnia do levante contra a tirania e opressão ao longo da história. Se observamos para os efeitos deste levantamento sobre as revoluções e os pensadores de todo o mundo, encontramos uma longa lista, das quais pela falta de tempo não poderemos abordá-los, mas falaremos de alguns deles.

1. O levantamento dos vestidos pretos
Essa revolta derrubou o califado omíada, que tinha o maior império de seu tempo e se estendia da Europa à Índia e ao norte da África. As pessoas de negros derrubaram este império em vingança pelo sangue derramado do Imam Hussain(que a paz esteja com ele).

2. Ascensão dos Sarbadars
Após a invasão mongol de Genghis Khan e a devastação que se seguiu, algumas pessoas, guiadas pelo levantamento do Imam Hussain (que a paz esteja com ele), resistiram esse ataque e se chamaram Sarbadars. Sabendo que não tinham possibilidade de vitória frente da grande ataque das forças sanguinárias de Gêngis Jan, se levantaram para ser uma lição para outras pessoas. Depois deles, houve muitos levantamentos que fizeram os mongóis se retirarem do Irã.
Existem centenas de outras levantamentos em épocas passadas derivadas da Ashura, mas vamos olhar para os levantamentos na era contemporânea.

1. O grande levantamentos do povo indiano contra o colonialismo britânico
A Índia é um país com enormes recursos naturais e uma localização geográfica especial que sempre foi cobiçada por outros países e, principalmente, pelo Reino Unido. Ao controlar as correntes econômicas e políticas na Índia, praticamente mantiveram o país sob seu controle por séculos e reprimiram todos os motins e levantes da pior maneira possível até que um homem chamado Gandhi emergiu, a página foi virada em favor do povo indiano.
Praticamente paralisou o governo colonial ao reunir pessoas e sentadas massivas e, finalmente, deu-lhes independência ao expulsar o colonialismo inglês da Índia. Quando olhamos para os motivos da vitória desse levantamento, os conhecemos através de Gandhi.
Gandhi: "Eu li cuidadosamente a vida do Imam Husain (que a paz esteja com ele), o grande mártir do Islã, e prestei suficiente atenção às páginas de Karbala, e ficou claro para mim que se a Índia deseja que seja um país vitorioso, deve siga o Imam Hussain (que a paz esteja com ele)"

2. Independência do Paquistão
Após a independência da Índia, o Paquistão, que antes havia feito parte daquele país e do colonialismo britânico, também pensou na libertação, mas tinha um caminho difícil pela frente. Iqbal Lahori atribuiu a independência e a salvação do Paquistão ao levante da Ashura, e o líder da revolução, Mohammad Ali Yinnah, disse:
"Não há melhor exemplo de coragem no mundo do que o mostrado por Imam Hussain(que a paz esteja com ele) em termos de sacrifício e audácia. Em minha opinião, todos os muçulmanos deveriam seguir este mártir que se sacrificou na terra do Iraque. Sim! Pense na ideia de um levantamento contra o opressor é o primeiro efeito da levantamento da Ashura. "

3. A revolução no Irã
Talvez a motivação e a forma mais importante para o povo vencer a revolução iraniana foi seguir o levantamento da Ashura. Imam Khomeini, o líder do Irã, considerou que todas as vitórias da revolução foram inspiradas no evento de Karbala e considerou esta revolução como um exemplo claro. Continua…

Plain text

  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <span> <blockquote> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd> <br> <hr> <h1> <h2> <h3> <h4> <h5> <h6> <i> <b> <img> <del> <center> <p> <color> <dd> <style> <font> <u> <quote> <strike> <caption>
  • Endereços de páginas web e endereços de email são transformados automaticamente em ligações.
  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente.
Fill in the blank.