Os ditos que provam a nomeação do Imam I

22:18 - 2021/11/01

A característica mais importante de Aarão (A.S.) para Moisés (A.S.) é que ele era o seu Califa e seu ministro, pois Deus disse: Deus o Altíssimo disse no Alcorão Sagrado:“... E Moisés disse ao seu irmão Aarão: Substitui-me, ante meu povo.

A Fonte Da Ciência

Os ditos que provam a nomeação do Imam
1)O dito da posição

Este dito foi citado em diversas ocasiões, entre tais a Batalha de Tabuk. Mus´ab narra sobre Sa´ad que narra sobre seu pai que o Mensageiro de Deus (S.A.A.S.) saiu em direção a Tabuk e nomeou Ali (que a paz esteja com ele) em seu lugar. Então, Ali (que a paz esteja com ele) disse: “Vai me deixar aqui entre as crianças e as mulheres?”
Então, o profeta (S.A.A.S.) disse: “Você não desejaria ser para mim o que Aarão foi para Moisés, exceto que não haverá nenhum profeta depois de mim?.[1]
Este dito prova que toda posição e cargo reconhecidos para Aarão (A.S.) também se conf i gura em Ali (A.S.), exceto que não haveria profeta nenhum depois de Mohammad (S.A.A.S.).
Já a respeito da posição de Aarão (A.S.) frente a Moisés (A.S.) basta citar o que Moisés (A.S.) pediu para Deus o Altíssimo conforme registrado no Alcorão Sagrado: Deus o Altíssimo disse no Alcorão Sagrado: “E concede-me um vizir dentre os meus (29). Meu irmão Aarão (30). Que poderá me fortalecer (31). E associa-o à minha missão (32)”. (C.20)
A resposta foi: Deus o Altíssimo disse no Alcorão Sagrado: Disse-lhe: Teu pedido foi atendido, ó Moisés[2]!.”
Entre tais também há a narração de Ibn Abbas onde Omar disse: “Basta tanto falarem sobre Ali ibn abi Taleb pois ouvi que o Mensageiro de Deus (S.A.A.S.) disse: Ali possui três características que se eu tivesse uma delas seria melhor pra mim do que tudo que o sol ilumina”.

Eu estava junto com Abu Bakr, Abu Ubaidah e um dos companheiros do Mensageiro de Deus (S.A.A.S.) e o Profeta (S.A.A.S.) estava apoiado em Ali (A.S.) até bater em seu ombro e dizer: “Você ó Ali é o primeiro entre os fi éis e o primeiro que abraçou o Islam” e então também disse: “Você para mim é como Aarão para Moisés, e todo aquele que alegar que me ama e te odiar é um mentiroso.” Entre tais narrações também há a história da irmandade que é narrada por Zaid ibn abi (Al-Awal), em que o Profeta (S.A.A.S.) disse: “Por aquele que me enviou pela verdade, não te escolhi (ó Ali) por minha própria vontade e sim porque tu és para mim como Aarão para Moisés”. E outra narração da mãe de Salim, onde o Profeta (S.A.A.S.) disse a ela: “Ó mãe de Salim, Ali é da mesma carne que eu e o seu sangue é o mesmo que o meu, e ele para mim é como Aarão para Moisés”.
A explicação disso é que Ali (A.S.) após o Profeta Mohammad (S.A.A.S.) é como Aarão (A.S.) para Moisés (A.S.). Durante a vida de Moisés (A.S.) Aarão (A.S.) era o seu sucessor e o representava em sua ausência, então, da mesma forma que Aarão (A.S.) era o califa de Moisés (A.S.) em sua ausência entre seu povo o Imam Ali (A.S.) foi o califa do Mensageiro de Deus (S.A.A.S.) após a sua morte, com a ordem de Deus, pois o Mensageiro de Deus (S.A.A.S.) igualou Ali (A.S.) a Aarão (A.S.) no seu califado e ministério. A semelhança no exemplo deve ser a mais bela forma de entender, tal como quando dizemos: “Zaid é como um leão”, isso significa que Zaid é como um leão em sua coragem e não em todas as características do leão.
A característica mais importante de Aarão (A.S.) para Moisés (A.S.) é que ele era o seu Califa e seu ministro, pois Deus disse: Deus o Altíssimo disse no Alcorão Sagrado:“... E Moisés disse ao seu irmão Aarão: Substitui-me, ante meu povo[3]!” Deus o Altíssimo disse no Alcorão Sagrado: E concede-me um vizir dentre os meus (30). Meu irmão Aarão (30).[4]

Fonte : Al-Imamah,A Liderança,Assayed Charif Sayed Al-Ámeli. P 65_67 (LIÇÕES SOBRE AS CRENÇAS ISLÂMICAS ,Volume 4)

[1] . Al-Sirah Al-Nabawiyah, de autoria de ibn Hashem, volume 2, p 519 e 520 / Sahih Al-Bokhari, v 5, p 129 / Kanz Al-Ommal de autoria de Fadhel Al-Hendi, volume 13, p 122 / Fadha´el Ali (A.S.), dito número 36392 / Tarkh Madinat Demashq, volume 42, p 42 / Sahih Al-Bokhari / v 4, p 208 / Musnad Ahmad, v 1, páginas 172 – 175 – 185 e v 6 ,p 438 / Sahih Al-Tormozi, v 50, p 302 / Asad Al-Ghabah, v 4, p 27 e volume 5 p 8 / Sunan Al-Kubrade autoria de Nisa´i, v 5 p 44 / Zakha´er Al-Oqbi, p 63 / Majma´ Al-Zawa´edm, v 9, p 109, 110 e 120.

[2] . Alcorão Sagrado C.20 – V.36

[3] . Alcorão Sagrado .C.7 – V.142

[4]. Alcorão Sagrado .C.20

Plain text

  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <span> <blockquote> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd> <br> <hr> <h1> <h2> <h3> <h4> <h5> <h6> <i> <b> <img> <del> <center> <p> <color> <dd> <style> <font> <u> <quote> <strike> <caption>
  • Endereços de páginas web e endereços de email são transformados automaticamente em ligações.
  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente.
10 + 2 =
Solve this simple math problem and enter the result. E.g. for 1+3, enter 4.