Interpretação do Alcorão -Báqara XIII

10:25 - 2021/12/05

O Altíssimo os descreve os hipócritas  como se tivessem tapado os próprios ouvidos, tornando-se surdos, prendido suas línguas, tornando-se mudos e fechado os seus olhos, fcando cegos. Disse, então: “são surdos, mudos e cegos”. O signifcado disso é que eles não conseguem se utilizar desses órgãos com os quais se conhece a verdade. Eles não ouvem os versículos de Deus com seriedade, não falam a verdade e não olham o Reino de Deus nos Céus e na terra. Portanto, desconhecem o segredo da grandiosidade d’Ele e não reconhecem as provas patentes da Profecia, enchendo-se de dúvida, “e não se retraem (do erro).
 

Interpretação do Alcorão

O que indica que os hipócritas creram em Deus e em Seu Mensageiro no início são as palavras de Deus, glorificado seja: “Isso porque creram e depois renegaram;
consequentemente, foram selados os seus corações por isso são insensatos.[1], por outro lado, o que indica que o Islã é luz que ilumina os corações e as almas são as palavras de Deus, glorificado seja: “Porventura, aquele a quem Deus abriu o coração ao Islã, e está na Luz de seu senhor... (não é melhor que aquele a quem sigilou o coração)? Ai daqueles cujos corações estão endurecidos para a recordação de Deus! Estes estão em evidente erro![2]

Quanto às trevas que passam a circundá-los, depois da hipocrisia, e os transforma em surdos, mudos e cegos, o que se quer dizer são as trevas do extravio, onde não veem o caminho da orientação. Deus, glorificado seja, diz: Os protetores dos incrédulos são os sedutores, que os retiram da luz, levando-os para as trevas; eles serão condenados ao inferno, onde permanecerão eternamente[3]

Com base nisso, Deus, glorificado seja, começou com a citação do exemplo mencionando as seguintes palavras: “Parecem-se com aquele que fez arder um fogo ”, ou seja, para se auxiliarem com a luz e, assim, conhecerem a situação ao seu redor, o caminho que deveriam seguir e o objetivo que deveriam alcançar. “Mas, quando este iluminou tudo que o rodeava”, - e as pessoas viram com a luz o que queriam ver, a ventania apagou-lhes o fogo: “Deus extinguiu-lhes a luz (...)” e os hipócritas começaram a debater-se, sem orientação, “deixando-os sem ver, nas trevas”. Isto é, Deus deixou-os sem observar o que e quem estava ao seu redor.

Então, o Altíssimo os descreve como se tivessem tapado os próprios ouvidos, tornando-se surdos, prendido suas línguas, tornando-se mudos e fechado os seus olhos, ficando cegos. Disse, então: “são surdos, mudos e cegos”. O significado disso é que eles não conseguem se utilizar desses órgãos com os quais se conhece a verdade.

Eles não ouvem os versículos de Deus com seriedade, não falam a verdade e não olham o Reino de Deus nos Céus e na terra. Portanto, desconhecem o segredo da grandiosidade d’Ele e não reconhecem as provas patentes da Profecia, enchendo-se de dúvida, “e não se retraem (do erro).

Revista Islâmica Evidências

[1]Alcorão Sagrado, C.63, V.3.

[2]Alcorão Sagrado,C.39, V22.

[3]Alcorão Sagrado, 2:257.

Plain text

  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <span> <blockquote> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd> <br> <hr> <h1> <h2> <h3> <h4> <h5> <h6> <i> <b> <img> <del> <center> <p> <color> <dd> <style> <font> <u> <quote> <strike> <caption>
  • Endereços de páginas web e endereços de email são transformados automaticamente em ligações.
  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente.
Fill in the blank.