Os benefícios do jejum

16:30 - 2022/04/25

-Tal como sabem o rito sagrado do Islã, e o conjunto de seus rituais vitais, é para salvar os homens das armadilhas dos desejos carnais. Já que, até que se não se salve a alma dos homens dos caprichos e desejos carnais, jamais chegará a uma aproximação com seu Senhor.

Os benefícios do jejum

Estamos no mês de Ramadã, no mês da bênção. Graças a Deus para tais tempos iluminados de nossas vidas. Agradecemos a Deus, por este mês de convite, à devoção, ao obedecimento e a purificação da alma, isso é o mês bondoso de Ramadã.

A primeira medida que têm que fazer relacionada com o mês de Ramadã, é conseguir uma visão correta sobre seu objetivo e filosofia. O Imam Sajjad (que a paz esteja com ele) quando chega o mês de Ramadã, solicito sabedoria a seu Senhor! Deus! Cumprimentos a Muhammad e sua família e outorgue-nos o conhecimento da virtude no mês de Ramadã e comemorar a sua grandeza.

O Islã convoca a seus seguidores em cada fase da vida e a necessidade de seus desejos para as virtudes humanas. O jejum, é um dos ritos do islã que implica muitos benefícios. Um destes, é a luz de sabedoria e conhecimento dos seres humanos.

O jejum, especialmente o jejum no mês de Ramadã, causa a mudança dos caprichos e desejos carnais, pela piedade e perseguir as ordens divinas. Neste estado, a escuridão desses caprichos convertiam-se na luz e clareza da alma dos homens, em prol desta pureza é o resultado do jejum, quem faz jejum com seu auto-conhecimento não só evita comer e beber por umas horas especiais do dia, mas sim evita que, seus olhos, mãos e pés realizem ações que seu Senhor lhe proibiu. E pode chegar a afastar de seus maus pensamentos e pecados, isto é um ponto culminante é a adoração valiosa do jejum.

O Imam Ali (que a paz esteja com ele), também descreve a este caso dizendo, o jejum evita a alma de fazer em pecado, e isto, é melhor que o jejum de comer e beber. O significado da oração de Imam Ali (que a paz esteja com ele), é que não nos basta só o jejum de comer e beber, em conjunto com o jejum do pecado conseguiremos resultados espirituais.

Nos ensinos divinos, uma das principais formas de conseguir a piedade completa é praticar o jejum, ainda que deixar algumas coisas, como beber, comer, ter relações sexuais, ou pecar, é aceitável, e necessário que a alma humana para evitar a rebeldia pratique a virtude. Os trinta dias do jejum durante o Ramadã é uma prática que o ser humano consciente de suas obrigações, como obediência e oração a Deus, evita seus desejos. Neste ato que realizava com inteligência, consciência e vontade, utiliza diversos fatores para fortalecer sua fé, entre eles rezar preces e se manter acordado pela noite recitando o Alcorão Sagrado. O Alcorão Sagrado considera que a recompensa da piedade é o paraíso e a porta para perfeição. Em muitos versículos considera-se que o paraíso e suas bênçãos pertencem aos piedosos que evitam comer e beber conscientemente no caminho para a perfeição humana.

Plain text

  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <span> <blockquote> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd> <br> <hr> <h1> <h2> <h3> <h4> <h5> <h6> <i> <b> <img> <del> <center> <p> <color> <dd> <style> <font> <u> <quote> <strike> <caption>
  • Endereços de páginas web e endereços de email são transformados automaticamente em ligações.
  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente.
12 + 1 =
Solve this simple math problem and enter the result. E.g. for 1+3, enter 4.