O Imam Mahdi , O Vingador do Sangue do Imam Hussain

09:07 - 2022/09/05

Lemos na Ziarat Ashura: “Eu imploro a Deus, que honrou você (Imam Husein) acima dos outros, para ser generoso comigo por sua causa, e ter a oportunidade de estar com o Imam vitorioso (Imam Mahdi), descendente de Muhammad (S) na época da guerra final e decisiva, para vê-lo se se vingar por você.

O Imam Mahdi , O Vingador do Sangue do Imam Hussain

Thawaab (Recompensa) por Boas Ações e sua aceitação é sujeita ao Wilayat de Sua Eminência

Em Ikmaluddin é narrado de Sua Eminência, Sadiq (as) que ele disse: “Aquele que concorda (acredita) no Imamato dos Imams de meus antepassados ​​e descendentes, mas nega o Mahdi entre eles, é como aquele que aceita a missão profética de todos os profetas, mas nega a missão profética de Sua Eminência, Muhammad (S).”

Abdullah bin Abi Ya'fur diz: Eu perguntei: “Quem é o Mahdi de seus descendentes?” Ele respondeu: “O quinto descendente do sétimo Imam, cuja pessoa permanecerá oculta de sua vista, e proferir seu nome não é permitido a você.” 

Há um grande número de tradições sobre este assunto, algumas das quais narraremos na oitava parte, se Allah, o Todo-Poderoso permitir.

O Vingador do Sangue do Imam Husein (as) e dos Mártires de Karbala (ra)

É mencionado em Majmaul Bahrayn que: “O Vingador é aquele que sob nenhuma circunstância descansa, até que vingue o sangue derramado de seu lado (dos seus).”

Lemos na Ziarat Ashura: “Eu imploro a Deus, que honrou você (Imam Husein) acima dos outros, para ser generoso comigo por sua causa, e ter a oportunidade de estar com o Imam vitorioso (Imam Mahdi), descendente de Muhammad (S) na época da guerra final e decisiva, para vê-lo se se vingar por você.”

Em Bihar, citando o Ghaibat Nomani, narrado de Abu Ja'far Baqir (as) sob a descrição das qualidades do Imam Qa’im (aj), ele disse: “Sua missão nada mais é do que o extermínio total (daqueles que se opõem a ele). Ele não deixará vivo nenhum dos inimigos da verdade.” 

Ayyashi mencionou na exegese do verso: “E a todo aquele que for morto injustamente, de fato demos ao seu herdeiro autoridade, portanto, que ele não exceda os limites justos ao matar; e certamente ele é ajudado.” (Alcorão, Surah Isra 17:33)

O relato de Salaam bin al-Mustanir, de Sua Eminência, Baqir (as), que disse: “Foi Husain bin Ali (as) que foi martirizado injustamente e nós somos seus sucessores. Quando o nosso Qa’im se levantar (surgir), ele irá vingar o sangue de Husain (as). Então ele vai desencadear tais matanças, que dirão que ele está cometendo Israaf (excesso) ao matar”. 

Sua Eminência também disse: “O morto é Husain (as) e seu Wali é o Qa’im (aj). Ele obterá ajuda e vitória de tal forma que encherá a terra com justiça e equidade, assim como esteve repleta de injustiça e opressão.”

Em outro relato tradicional de Sua Eminência, Abu Abdillah Sadiq (as), no Kafi, com referência ao mesmo verso mencionado: “Foi revelado sobre Husain (as), e se pessoas serão mortas por causa dele, não é Israaf (excesso).”

No livro Ilalush Sharai é narrado de Sua Eminência, Baqir (as) que ele disse: “Quando meu avô, Husain (as) foi martirizado, os anjos levantaram suas lamentações de protesto na corte de Allah, o Poderoso e Sublime, e eles disseram: “Ó Deus, dono da discrição! Você ignorará aquele que matou o Seu escolhido, filho do Seu escolhido e a melhor das criações?” O Deus Todo-Poderoso revelou a eles: “Ó Meus anjos, fiquem tranquilos. Por Meu Poder e Glória, eu realmente irei vingar-Me deles - mesmo que depois de algum tempo.” Depois disso, Allah, o Poderoso e Sublime, removeu o véu dos rostos dos Imams da descendência de Husain (as). Os anjos ficaram contentes e notaram que um deles se levantou em meio às orações. Allah disse: “Vou me vingar deles com este Qa’im (Que se levantou, ou o que está de pé).”

Em Kafi é narrado de Sua Eminência, Abi Abdullah Sadiq (as) que ele disse: “Quando Husain (as) foi martirizado, os céus e a terra e tudo que nela há, lamentaram e disseram: “Senhor, permite-nos destruir todas as criaturas e renovar a terra novamente, pois eles consideraram a Tua santidade irrelevante e mataram Seu escolhido.” 

“Assim, o Todo-Poderoso Allah revelou a eles: “Ó anjos, ó Meus céus e ó Minha terra! Tenham certeza!” Então Ele removeu uma cortina atrás da qual eram visíveis, Muhammad e seus doze sucessores. Ele segurou a mão do Qa’im entre eles e disse: “Ó meus anjos e ó meus céus e ó minha terra, eu os ajudarei. E Ele repetiu isso três vezes.”

Em Ghayat al-Maraam, o grande tradicionalista, Sayyid Hashim Bahrani citou uma tradição do Ahlul Sunnat sobre o evento da Me'raaj (ascensão) da seguinte forma: “O Deus Todo-Poderoso disse: ‘Ó Muhammad! você gostaria de vê-los?’ Eu disse sim! O Senhor disse: ‘Vire para a direita do Arsh’. Quando me virei naquela direção, imediatamente vi Ali, Fatima, Hasan, Husain, Ali bin al-Husain, Muhammad bin Ali, Jafar bin Muhammad, Musa bin Jafar, Ali bin Musa, Muhammad bin Ali, Ali bin Muhammad, Hasan bin Ali e o Mahdi (aj), cercado por refulgência, recitando as orações em pé. E ele, que é o Mahdi (aj), estava entre eles como uma estrela brilhante. O Allah Todo-Poderoso disse: ‘Estas são as Provas Divinas e ele é o vingador de sua progênie. Por minha honra, ele é a prova necessária para os Meus amigos e o vingador dos Meus inimigos”. 

Em Biharul Anwar as qualidades de Sua Eminência, o Qa’im (aj), são descritas por Sua Eminência, Abu Abdillah Sadiq (as): “Haverá alguns homens cujos corações serão fortes como ferro e que não terão um pingo de dúvida, e quanto à sua fé em Allah, eles serão sólidos como pedras. Eles serão tão valentes que se fossem atacassem montanhas, eles as moveriam de seus lugares. E para onde quer que se voltem, buscarão bençãos e criarão coragem nos corações, e eles continuarão sempre beijando a sela (leais ao) de Imam Qa’im (aj). Eles estarão à altura das expectativas do Imam. Eles serão homens que não dormem à noite, e estarão ocupados a noite toda em orações. O som deles recitando o Alcorão, parecerá o zumbido das abelhas, e eles passarão as noites em pé, e na manhã montarão, seus cavalos. À noite, eles serão como monges e ascetas e durante o dia serão como leões ferozes. Eles serão mais obedientes ao seu Imam do que uma escrava é ao seu mestre. Seu coração (no aspecto da fé) serão como lanternas nas quais a chama permanece acesa. Eles temerão a Allah, e convidaram uns aos outros para o martírio. Eles estarão ansiosos para serem mortos no caminho de Deus, e seu slogan será: ‘Yaa Tharatal Husain!” (Vingança pelo sangue de Husain!). Quando eles marcham, sua admiração e temor os precede por um mês de distância, e será através deles que Allah ajudará o verdadeiro Imam.”

É narrado por Sua Eminência que ele disse: “Quando o Qa’im (aj) se levantar (surgir), ele matará os netos (descendentes) dos assassinos de Husain (as).” 

Uma tradição de Sua Eminência, Imam Reza (as) explica a lógica por trás disso, e diz que serão mortos devido à sua satisfação com os feitos de seus ancestrais, e porque costumavam se gabar e sentir orgulhoso disso. E é sabido que quem se contenta com algo é como se o tivesse cometido.

No livro, Al Muhajja Feema Nazala Lil Qaaimil Hujjah é mencionado que o Imam Sadiq (as) disse em relação ao versículo: “E aquele que é morto injustamente...” (Alcorão, Surah Isra 17:33) Este versículo é revelado sobre Husain (as), e se seu Wali (sucessor) matar as pessoas da terra, isso não será Israaf (excesso). E seu Wali é o Qa’im (aj).” 

 

Mikyal al Makarim VOL.1  - p 66

Plain text

  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <span> <blockquote> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd> <br> <hr> <h1> <h2> <h3> <h4> <h5> <h6> <i> <b> <img> <del> <center> <p> <color> <dd> <style> <font> <u> <quote> <strike> <caption>
  • Endereços de páginas web e endereços de email são transformados automaticamente em ligações.
  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente.
2 + 7 =
Solve this simple math problem and enter the result. E.g. for 1+3, enter 4.