O castigo eterno é justo?

19:00 - 2022/04/14

Deus o Altíssimo recompensará todos aqueles que praticarem qualquer ato bom, outros passarão por um castigo para se purificarem e então retornarão à clemência de Deus. Restarão apenas aqueles teimosos e insistentes, inimigos de Deus, que insistirão em praticar a injustiça e a opressão, a corrupção e a hipocrisia, até que o extravio tome conta da sua existência.

O castigo eterno é justo ?

    Pergunta:
Há diversos versículos no Alcorão Sagrado que falam sobre o castigo dos incrédulos e pecadores, e que serão castigados eternamente no inferno. Entre tais, este: Deus o Altíssimo disse no Alcorão Sagrado: “Deus promete aos hipócritas e às hipócritas e aos incrédulos o fogo do inferno, onde permanecerão eternamente. Isso lhes bastará. Deus os amaldiçoou, e sofrerão um tormento ininterrupto.” (C.9 – V.68) Aqui teremos a seguinte pergunta: como alguém pode ser castigado por um pecado limitado? E será que este significado é compatível com a justiça divina? Não deveria haver uma certa compatibilidade entre o crime e o castigo?

  A resposta:
O castigo que os pecadores sofrerão no dia do Juízo Final certamente é resultado das ações que praticaram. Deus o Altíssimo disse no Alcorão Sagrado: “Hoje nenhuma alma será defraudada, nem sereis retribuídos, senão pelo que houverdes feito.” (C.36 – V.54)

Vamos citar aqui um pequeno exemplo sobre esta realidade: uma pessoa gosta de usar entorpecentes e bebidas alcoólicas, e toda vez que ela é aconselhada a deixar de usar esse material, por fazer mal a ela e sua saúde física e mental, ela não escuta. Depois de semanas ou meses ela começa a sentir as consequências do uso destes produtos em sua saúde e descobre que passará o resto de sua vida sofrendo por consequência do uso destes produtos.

Podemos dizer aqui que por ter usado drogas por algumas semanas ou meses é justo que ela sofra as consequências disso pelo resto de sua vida ou por muito anos?
Não há dúvida que a resposta será rápida: isso é consequência de seus atos, e mesmo se for viver por longo tempo assim. Toda vez que sofrer com a dor irá saber que este castigo foi o que ela chamou para si mesma, por sua própria vontade e consciência.

Outro exemplo:
Se a pessoa arrancar o seu próprio olho ou arrancar o olho de alguém, está certo que este ato é feito em um tempo curto, mas a consequência deste ato é a cegueira pelo resto da vida. Isso é o mesmo para vários tipos de pecados que possuem consequências eternas, e se a pessoa não buscar aquilo que possa compensar estes pecados (tais como o perdão) ela viverá a consequência destes pecados para sempre. Da mesma forma que a cegueira do homem pelo resto de sua vida é resultado de alguns instantes, e isso não contradiz a justiça divina, o mesmo seria para o castigo eterno como consequência da prática de grandes pecados e delitos, isso não contradiz a justiça divina porque o pecado praticado pela pessoa foi um ato consciente e de insistência.
Portanto, a maioria dos castigos do dia do Juízo Final são consequência deste tipo de atos, e não haverá espaço para discordar da justiça de Deus.

a) É errado alguns acharem que o tempo do castigo não é compatível com o pecado, pois a relação entre o pecado e o castigo não é uma relação de tempo e sim de tipo de pecado e suas consequências. Um homem pode matar alguém inocente em um instante, mas ele é sentenciado por anos ou até mesmo prisão perpétua de acordo com as leis de alguns países.
Aqui percebemos que o tempo e o período do crime, mesmo não ultrapassando alguns instantes, leva o criminoso a ser sentenciado por dezenas de anos, e mesmo assim ninguém reclama que esta sentença seria injusta. Isso porque a questão aqui não é o tempo e período do pecado, e sim o tipo de pecado e suas consequências.

b) Ser eternizado no fogo do inferno e receber o castigo eterno recai sobre aqueles que fecham sobre si mesmos todas as portas e janelas da salvação, e acabam afundando na corrupção e na descrença e hipocrisia. A obscuridade do pecado cobre toda a existência deles até que sejam um pedaço de incredulidade e desobediência a Deus.
Deus o Altíssimo disse no Alcorão Sagrado: “Qual! Aqueles que lucram por meio de um mal e estão envolvidos por suas faltas serão os condenados ao inferno, no qual permanecerão eternamente”. (C.2 – V.81)

Estes são aqueles que cortaram todos os seus laços com Deus e fecharam as portas da salvação e da felicidade. Eles parecem o pássaro que quebrou e queimou sua asa de propósito e então é forçado a ficar no chão e não pode mais voar pelos céus. Se levarmos em consideração as questões acima citadas saberemos que a questão de ser eternizado no fogo do inferno para alguns hipócritas e incrédulos não é algo que contradiz o princípio da justiça, pois ser eternizado no castigo é consequência de seus próprios atos, mesmo depois dos profetas e mensageiros terem anunciado a mensagem de Deus.

Não há dúvida de que aqueles que a mensagem dos profetas não tenha chego a eles e eles praticaram pecados por falta de conhecimento e ignorância o castigo deles não será como o do primeiro grupo, que teve acesso aos profetas e suas mensagens.

Certamente que podemos dizer que o que aprendemos dos versículos e narrações islâmicas é que as ondas do mar de misericórdia e clemência de Deus são tão grandes que podem lavar muitos dos pecados dos pecadores, alguns com a intercessão, alguns com o perdão e alguns com a prática de algumas pequenas ações. Deus o Altíssimo recompensará todos aqueles que praticarem qualquer ato bom, outros passarão por um castigo para se purificarem e então retornarão à clemência de Deus.Restarão apenas aqueles teimosos e insistentes, inimigos de Deus, que insistirão em praticar a injustiça e a opressão, a corrupção e a hipocrisia, até que o extravio tome conta da sua existência.

Plain text

  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <span> <blockquote> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd> <br> <hr> <h1> <h2> <h3> <h4> <h5> <h6> <i> <b> <img> <del> <center> <p> <color> <dd> <style> <font> <u> <quote> <strike> <caption>
  • Endereços de páginas web e endereços de email são transformados automaticamente em ligações.
  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente.
2 + 7 =
Solve this simple math problem and enter the result. E.g. for 1+3, enter 4.