A Vaidade Conduz ao ressentimento I

13:15 - 2023/03/29

O amor-próprio é um instinto humano básico, um fato essencial para a sobrevivência, pois, o amplo relacionamento do homem com o universo surge desse instinto. Entretanto, apesar de ser uma força produtiva da qual muitas nobres características se originam, se essa fonte natural for exacerbada, muitos pecados e várias formas de imoralidade também se originarão dela.

A Vaidade Conduz ao ressentimento I

A Vaidade Conduz ao ressentimento

A primeira ameaça real à boa conduta moral é o excesso de amor-próprio; que pode chegar ao ponto em que nenhum amor aos semelhantes encontra lugar no coração. Tal excesso é o que impede as pessoas de admitirem seus erros ou aceitarem os fatos que sejam incompatíveis com sua vaidade emocional.
O Professor Robinson disse: “É frequente acontecer de mudarmos nossas ideias ou modos de conduta sem ansiedade, ou perturbação, porém, se alguém descobre nossos erros ou imperfeições, experimentamos uma agitação espiritual que nos põe na defensiva em relação a tal pessoa. Facilmente adotamos novas ideologias, mas quando alguém tenta nos converter, fanaticamente nos posicionamos contra ele, quando na realidade, não possuímos sinceramente esse forte sentimento para com nossa crença. Percebemos que nossos sentimentos estão em grande perigo se alguém nos diz: “Seu relógio está atrasado” ou “seu carro é velho”. Então sofremos muito mais se, em vez disso, disser: “Seu conhecimento com respeito à Marte ou à civilização egípcia está errado”.”
Os maiores riscos à felicidade e o piores inimigos da humanidade são a vaidade e a autoconfiança excessiva. O ressentimento em relação a qualquer má característica não se compara ao ressentimento provocado pela vaidade. A vaidade não causa somente o rompimento dos laços de amor e harmonia entre irmãos, mas também transforma o amor em sentimentos de inimizade; abrindo as portas do ressentimento geral para o vaidoso. Da mesma maneira que um indivíduo espera amor e respeito dos outros, deve se esforçar para respeitá-los. É a sociedade que assegura direitos e responsabilidades a todos.

A Vaidade Conduz ao ressentimento I

A Vaidade Conduz ao ressentimento I

Cada indivíduo recebe amor e respeito da sociedade na medida das qualificações e aptidões que apresenta. Aquele que se limita a amar a si mesmo cuida somente do que lhe interessa e negligência os sentimentos e assuntos alheios. De modo insistente, tenta se tornar alvo de exaltação e fama, e impõe sua atitude arrogante aos demais.

A obstinada antecipação do respeito das pessoas é inconveniente em virtude da grave contradição entre tal antecipação e o ressentimento que sua conduta provoca. A reação social fará o vaidoso sofrer ansiedade e frustração. Entre as outras consequências da vaidade estão a suspeita e o pessimismo. O espírito do vaidoso arde no fogo do pessimismo e da suspeita. Assim, ele sente que todos querem prejudicá-lo.

Plain text

  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <span> <blockquote> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd> <br> <hr> <h1> <h2> <h3> <h4> <h5> <h6> <i> <b> <img> <del> <center> <p> <color> <dd> <style> <font> <u> <quote> <strike> <caption>
  • Endereços de páginas web e endereços de email são transformados automaticamente em ligações.
  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente.
1 + 1 =
Solve this simple math problem and enter the result. E.g. for 1+3, enter 4.