As seitas islâmicas, As principais escola da jurisprudencia dos Sunitas

13:21 - 2021/08/11

-Ahl Sunah wal Jamã estão entre as principais seitas islâmicas que constituem a maioria dos muçulmanos.  A seita sunita é de entre as seitas que não acreditam que haja um texto para nomear o califado ou seja o imamato do Mensageiro (s.a.w.w), mas ao invés disso, o assunto é confiado aos muçulmanos para escolher seu imame ou califa (guia). 

Breve investigaçõe sobre as seitas islâmicas.

Quem são os Ahl Sunah wal Jamã?

Ahl Sunah wal Jamã estão entre as principais seitas islâmicas que constituem a maioria dos muçulmanos.  A seita sunita é de entre as seitas que não acreditam que haja um texto para nomear o califado ou seja o imamato do Mensageiro (s.a.w.w), mas ao invés disso, o assunto é confiado aos muçulmanos para escolher seu imame ou califa (guia). 

A escola de pensamento de Maliki

É uma doutrina pertencente a Abu Abdullah Malik bin Anas.  Malik nasceu em Medina entre os anos 90 e 95 Hijiri, e morreu entre os anos 174 e 179hijri.  Ele era famoso pelo título de Imam de Dar al-Hijrah e Imam de Medina, já que a escola de pensamento Maliki foi estabelecida em Medina.

Os juristas da escola de pensamento de Maliki

Entre os juristas Maliki mais famosos mencionados com frequência estão:  Abdullah bin Hormuz al-Araj, Nafeh o escravo libertado de Abdullah bin Omar, Muhammad bin Muslim bin Shihab al-Zahri, Rabi'a bin Abdul Rahman, Muhammad bin Munqdar, Abdullah bin Dhakwan, Abd al-Rahman bin Qasim, Ayoub al-Sakhtiani, Muhammad bin Abdul Rahman Bin Nawfal Al-Madani, Yahya bin Saeed Al-Ansari e Zaid Ibn Aslam.

Literaturas

 “Al-Muwatta” é o livro mais importante de Malik bin Anas, e a maioria dos livros dos juristas Maliki Os livros de explicação do livro “Al-Muwatta”, são:   “at'tamhid Lima fy  al- Muwatta ”de Ibn Abd al-Barr al-Andalusi.  “ al'istiz cari jami limazáhib al fuqahah al amswari wal ulamai aqtwári fy tadwamana al-Muwatta. contém significados da opinião e dos efeitos, e ele explicou tudo isso de forma breve e concisa por Ibn Abdul-Bar , “ Al-Muntaqa ”por Ibn Al-Walid Al-Baji, “ Tanweer Al-Hawalik em Muwatta Malik ”por Jalal Al-Din Suyuti, “ xar'hi  Al-Zarqani Ala al-Muwatta Al-Imam Malik ”, de Muhammad bin Abdul-Baqi Zarqani.

A escola de pensamento Shafi'i

O fundador da seita é Muhammad Idris al-Shafi'i, e ele nasceu no ano 150 AH e viveu em Meca e depois mudou-se para o Iraque, onde aprendeu em Bagdá a jurisprudência de “Abu Hanifa” antes de sua partida e seu assentamento no Egito.  Então sua doutrina veio como um intermediário entre a doutrina de "Abu Hanifa", que se expandiu em opinião jurisprudencial , e a doutrina de "Malik bin Anas", que é baseada no hadith. 

 A escola de pensamento Shafi'i baseia-se em suas deduções e métodos de inferência nos princípios que Imam al-Shafi'i colocou e escreveu em seu famoso livro "al- Resala", de modo que é considerado o primeiro sem um livro integrado sobre a ciência de usul al-fiqh (origem da jurisprudência). 

Os juristas da escola de pensamento Shafi'i e seus livros mais importantes

Entre os juristas Shafi'i mais proeminentes na vida de al-Shafi'i estão seus alunos:  al-Rabee 'ibn Sulayman al-Jizi, al-Rabee' ibn Sulayman al-Muradi e al-Buti. 

Entre os livros mais famosos de sua doutrina, além dos livros do próprio al-Shafi'i,  é o livro “Fath al-Aziz fi Sharh al-Wajeez” de al-Rafa'i,  e “Rawdat al-Talibin” e “Al-Majmoo ”Por al-Nawawi,  e al-Muhadhdhab e al-Tabeeh por al-Shirazi,  e Tuhfat al-Muhtaj por Ibn Hajar al-Haythami. 

A escola de pensamento Hanbali

Seu companheiro é  Ahmad Ibn Hanbal (164 - 241 AH), que é a última das quatro escolas de pensamento em termos cronológicos. 

Ibn Hanbal acreditava que a jurisprudência deveria ser baseada no texto do livro ou hadith. Portanto, aos olhos de muitos estudiosos, ele é considerado entre os homens de hadith e não entre os juristas.  Entre seus livros mais famosos está Al-Musnad, que é considerado uma enciclopédia dos hadiths do Mensageiro (s.a.w.w ), que contém quarenta mil hadiths.  Sua doutrina se espalhou em Najd na Península Arábica.

Os alunos mais importantes de Ahmed bin Hanbal

Seus alunos mais importantes são Salih Ibn al-Imam Ahmad, seu outro filho Abdullah, Abu Bakr al-Athram, al-Marwadhi, Ahmad ibn Muhammad ibn al-Hajjaj e Ibrahim al-Harbi.

Os livros mais importantes da escola de pensamento Hanbali

Os livros mais importantes da doutrina são  "Mukhtasar al-Kharqi", que Ibn Qudamah explicou em seu livro "Al-Mughni  e "Kashshaaf Al-Qanaa" de Al-Bhouti, "Al-Furoo '" de Ibn Muflih,  e “Al-Rawd Al-Murabba” por Al-Hijawi. 

 

A escola de pensamento Shafi'i

A escola de pensamento Hanbali

A escola de pensamento de Maliki

Plain text

  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <span> <blockquote> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd> <br> <hr> <h1> <h2> <h3> <h4> <h5> <h6> <i> <b> <img> <del> <center> <p> <color> <dd> <style> <font> <u> <quote> <strike> <caption>
  • Endereços de páginas web e endereços de email são transformados automaticamente em ligações.
  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente.
1 + 3 =
Solve this simple math problem and enter the result. E.g. for 1+3, enter 4.