A conduta do Imam Ali I

18:00 - 2022/08/15

Quanto ao Imam Ali, Príncipe dos Fiéis (A.S.), é o irmão do Profeta (S.A.A.S.), a porta da metrópole de seu conhecimento, o pai de seus netos, que ocupava, em relação a ele, o que Aarão ocupou em relação a Moisés. O Profeta (S.A.A.S.) o alimentou com a excelência de seu caráter, insuflando nele o seu exemplo e valores que o mundo todo absorveu. Ele foi nomeado estandarte e líder de seu povo para elevá-lo e orientá-lo para o melhor.

A conduta do Imam Ali I

A conduta do Imam Ali I

A conduta do Imam Ali, o Príncipe dos Fiéis (A.S.), era parecida com a conduta de seu irmão e primo, o Mensageiro de Deus (S.A.A.S.), com seu brilho, prosperidade, livre dos impulsos materialistas que causam o desaparecimento de seus defensores.

A excelência de conduta foi uma das mais destacadas qualidades do Imam. Ele convocou para ela, aplicou-a na realidade de sua vida. Eis uma exposição disso:

Excelência de Caráter
O Imam (A.S.) adotou, de forma positiva, a convocação para o embelezamento do caráter com a excelência de conduta, o que eleva o ser humano. Seu método está repleto de muitos conselhos a respeito disso, dos quais citamos:

Seu Testamento para seu flho Hassan (A.S.)

“Ó filho meu, faz de você a medida de tratamento entre você e os outros. Desse modo, deseje aos outros o que deseja a si mesmo, e odeia para os outros o que odeia para si mesmo. Não oprima, como
não quer ser oprimido. Faz o bem aos outros, como gosta que o bem seja feito para si. Considera ruim para si o que considera ruim para os outros. Aceita o tratamento dos outros, como os outros
aceitam de si. Não fale sobre o que não sabe, embora o que sabe seja muito pouco. Não diga aos outros o que não gosta que seja dito a si. Fica sabendo que a vaidade é contrária ao discernimento, e
uma calamidade para a mente. Portanto, aumente o seu exercício intelectual, e não se torne o tesoureiro para a riqueza a ser herdada pelos outros. Quando estiver sendo guiado no caminho certo,
humilha-se perante Deus o mais que puder.”

O Imam pronunciou essas frases a respeito da excelência de caráter que adorna o ser humano, e que são:

a) Que a pessoa faça de si a medida entre ela e os outros. Deve gostar para os outros o que gosta para si; deve odiar para os outros o que odeia para si; é natural que se essa manifestação se espalhasse pela sociedade, atingiria o ápice da perfeição e da frmeza.

b) A advertência quanto a cometer injustiça e agressão contra os outros. Da mesma forma que a pessoa é afligida pela injustiça dos outros, deve carregar esse sentimento em relação aos outros.

c) A pessoa deve ser benevolente com os outros como deseja que os outros sejam benevolentes com ela.

d) Que a pessoa deve condenar os maus atos originados nela, da mesma forma que condena os maus atos dos outros. Deve aceitar os atos dos outros que ela aceita se feitos por ela mesma.

e) A pessoa não tem o direito de dizer algo ou pronunciar uma sentença sem conhecimento. Assim, ela causa enormes prejuízos a ela e aos outros.

f) O Imam (A.S.) rejeitou a vaidade, por ser um dos piores vícios, que rebaixa o ser humano ao nível mais ínfmo.

g) O Imam (A.S.) advertiu contra o abuso na arrecadação de dinheiro, pois isso acarreta desgraça e destruição, principalmente se não forem extraídos dele os direitos de Deus, o Altíssimo. A culpa será dele e o felicitado algum outro.[1]

Livro: A conduta do Profeta Mohammad (S.A.A.S.) e seus Ahlul Bait (A.S.)

 

[1] Livro Mausu’at O Imam, Príncipe dos Fiéis, Áli Ibn Abi Tálib (A.S.): V. 5 – P. 23 e 24

Plain text

  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <span> <blockquote> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd> <br> <hr> <h1> <h2> <h3> <h4> <h5> <h6> <i> <b> <img> <del> <center> <p> <color> <dd> <style> <font> <u> <quote> <strike> <caption>
  • Endereços de páginas web e endereços de email são transformados automaticamente em ligações.
  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente.
11 + 4 =
Solve this simple math problem and enter the result. E.g. for 1+3, enter 4.